Independência financeira para pessoas comuns

Muito se fala em atingir o primeiro milhão. Alguns autores ainda esperam mais, o milhão tem que ser em dólares! Vamos ser realistas. Para a grande maioria das pessoas, o simples fato de pensar em um número tão grande é difícil. O que dirá então de acreditar que uma pessoa comum pode juntar todo esse dinheiro.

Por outro lado, por menos que você ganhe, sempre existe o potencial de economizar uma pequena parte. Se você ganha R$ 1000 e só consegue economizar R$ 100, tudo bem. Se ganha R$ 500 e só consegue economizar R$ 50, tudo bem também.

É importante notar que para quem ganha R$ 500 por mês, quaisquer R$ 50 economizados fazem uma grande diferença. Se você conseguir economizar esses R$ 50 todos os meses, em menos de um ano terá economizado o equivalente a um mês inteiro de salário.

A segurança proporcionada por um mês inteiro de salário, ou mais especificamente, por sabermos que podemos ficar um mês inteiro sem trabalhar e mesmo assim ter o dinheiro para pagar todas as nossas contas, é sensacional.

Imagine que você perdeu seu emprego. Que a empresa em que trabalhava fechou as portas. Não seria ótimo ter o salário de um mês inteiro guardado no banco? Saber que você tem o dinheiro para pagar as contas do mês corrente? Isso lhe permitiria procurar um novo emprego sem tantas preocupações. É muito mais fácil encontrar um emprego quando conseguimos tempo de procurar. Imagine a dificuldade de encontrar um novo emprego se além de procurar por um, você ainda tivesse que fazer diversos “bicos” para conseguir pagar as contas que estão vencendo no mês.

E que tal então ter guardado no banco o equivalente a seis meses inteiros de salário. Seria bom? Daria segurança? E que tal juntar R$ 10.000? E R$ 100.000? Isso é possível para qualquer pessoa. O segredo para conseguir esta façanha se encontra nos artigos seguintes. O conhecimento necessário para isso é simples de entender e de aplicar. Mas não basta ler os próximos artigos. Temos que aplicar os ensinamentos para conseguir alcançar os resultados.

Este artigo é a introdução do meu novo livro que vai mostrar o caminho para atingir a independência financeira. Para qualquer pessoa, com qualquer salário. É uma tarefa que vai levar um bom tempo. Mas não vai ser muito difícil, pelo contrário. Depois de começar e se acostumar com nosso método, você vai se perguntar por quê não começou isso antes. A recompensa é se aposentar bem mais cedo, com muito dinheiro no banco, sobrando muito tempo para simplesmente aproveitar a vida ao máximo. Lembre-se, tudo isso sem grande esforço e sem abrir mão dos prazeres da vida. Meu livro será escrito através deste site. Não existirá na forma impressa, pelo menos não tão cedo.

A primeira coisa que temos que fazer é definir o que é essa tal de independência financeira:

Independência Financeira é a possibilidade de viver da forma que estamos acostumados, sem precisar trabalhar para isso.

Note que de acordo com a definição acima, no momento em que você atingir a independência financeira, você pode parar de trabalhar. Mas provavelmente você não vai fazer isso. Você vai continuar no seu emprego. Dessa forma, a partir deste momento, você passa a ter uma renda equivalente ao dobro do seu salário. Você continuará recebendo seu salário e também receberá os rendimentos de suas aplicações. Poderá aumentar seu padrão de vida consideravelmente. E com segurança.

De toda forma, vamos ignorar o parágrafo anterior e imaginar que você queira largar seu emprego. Talvez você queira fazer um curso que não podia fazer antes por falta de tempo. Ou você pode finalmente abrir sua própria empresa, com a segurança de ter uma fonte de renda que garanta o seu sustento até que sua nova empresa comece a crescer.

No momento em que os rendimentos de seus investimentos sejam suficientes para cobrir todas as suas contas, você tem todo o tempo disponível para fazer o que quiser. Você tem algo incrível. Você tem LIBERDADE! Algumas possibilidades que esta liberdade proporciona são:

  • Fazer cursos: esses cursos podem aumentar sua capacidade de ganhar dinheiro, permitindo um aumento no padrão de vida. Que tal trocar o carro 1.0 por um modelo mais potente? Quem sabe uma casa maior onde seus filhos tenham espaço para correr e brincar? Você pode retomar os estudos que parou por ter que trabalhar. Pode aprender aquele hobby que sempre quis ter e nunca tinha tempo antes. Tenho um amigo que atingiu a independência financeira e fez um curso de culinária. Hoje ele é dono de um pequeno restaurante. Realizou o sonho que tinha há muito tempo.
  • Viajar: com todo o tempo livre conquistado, você poderá viajar com muito mais freqüência. Conhecer todos os lugares com que sempre sonhou.
  • Abrir a própria empresa: o sonho de muita gente. Lembra do meu amigo que abriu o próprio restaurante? Ele é apenas um, de muitos que conseguem realizar este sonho. Conheço muita gente que conseguiu abrir a própria empresa depois de conquistar a independência financeira. Alguns possuem empresas pequenas, outros maiores. O tamanho não é importante. O que realmente interessa é o fato de eles poderem fazer o que gostam, trabalhar com o que lhes dá prazer. Mesmo que no final das contas ganhem apenas o suficiente para manter a empresa funcionando, neste caso o trabalho funciona como terapia, como diversão.

Uma coisa muito importante a ser levada em conta é que a independência financeira é diferente para cada pessoa. Alguns precisam de R$ 500 por mês para viver. Outros podem precisar de R$ 5000 ou mais. O importante é que independente de quanto precise para viver, todos têm condições de chegar lá. E mais importante que isso, quando uma pessoa que precisa de R$ 500 mensais para atingir sua independência financeira finalmente consegue, torna muito mais fácil e rápida a subida para o próximo degrau na escada do sucesso.

Assim, com um passo de cada vez, convido vocês a subir esta escada. A escada do sucesso e da independência financeira para pessoas comuns.

Eu consegui! Você também consegue!

3 pensamentos em “Independência financeira para pessoas comuns”

  1. pretendo adquirir um melhor conhecimento ,de como devo fazer para ter a minha independencia própria…

  2. Poxa vida, esse artigo é quase perfeito só falto a conclusão final.Explicar detalhes sobre as aplicações também seria bom,mas agradeço!

  3. Nossa esse artigo é realmente muito bom!

    Traduz o sentimento que temos com relação a estes autores que pregam valores mirabolantes!!!

    Mas e o restante? Quero saber mais!!!

Os comentários estão desativados.