Eu não tenho vergonha de ganhar dinheiro. E você, tem?

Você já parou para pensar sobre o que pensa sobre ganhar dinheiro? Isso mesmo, você sabe o que você REALMENTE pensa sobre ganhar dinheiro? Da boca pra fora é fácil, todo mundo quer ganhar dinheiro, todos queremos ganhar MAIS dinheiro.

Mas a realidade de muitas pessoas não é esta. Veja se você se enquandra em uma das situações abaixo…

1) Um carrão, digamos uma Ferrari, passa zunindo por você na estrada. O que você pensa:

– Só pode ser jogador de futebol.
– Playboyzinho metido.
– Em que maracutaia ele deve estar envolvido para ter um carro desses?
– Só quer aparecer, ridículo. Tomara que bate esse carro na próxima curva.

2) Seu chefe oferece uma grande festa de inauguração da nova cobertura dele e convida todos os funcionários. Na festa, comendo e bebendo do bom e do melhor, o que você pensa:

– Vou aproveitar essa champagne, afinal, esse sanguessuga só tem isso tudo graças a miséria que nos paga.
– Certamente deve estar sonegando impostos para conseguir comprar uma cobertura destas.
– Eu sem dinheiro para pagar meu carrinho popular e esse filho da puta se gabando com o apartamento novo.
– Claro que para ele é fácil, é o dono da empresa.

Parece ridículo, mas esse é o pensamento da grande maioria das pessoas. Apesar de dizer que querem ganhar mais dinheiro, seus pensamentos mais íntimos são conflitantes com a realidade. Ao ver um advogado que ganha mais de R$ 20.000 por mês e admirar, usar como exemplo, descobrir que para chegar neste patamar ele teve que trabalhar durante muitos anos até saber o que sabe agora que ganha isso, essas pessoas pensam que deve haver alguma falcatrua por trás desse sucesso todo.

Você é resultado dos seus pensamentos.

Não é papo de pensamento positivo. É a realidade nua e crua. Se você pensa que a única forma de ganhar dinheiro é roubando e, sendo uma boa pessoa, você não vai fazer esse tipo de coisa, então simplesmente você fecha sua mente para a chance de ganhar dinheiro. Você não dá chance de pensar em formas criativas para que o dinheiro chegue até você, seu subconsciente não deixa. E pior, cúmulo do egoismo, acham que os outros também não podem ter o que você não tem.

As pessoas que vêem quem tem mais sucesso, normalmente não sabem o que esse sucesso custou a quem o conquistou. Acham que sempre foi assim. Não sabem, por exemplo, que aquele empresário que hoje passeia com um carrão e aparentemente só aparece na empresa depois das 10h da manhã, trabalhou das 6h as 23h durante mais de 15 anos para chegar onde chegou. Ou que apesar de chegar as 10h na empresa, está acordado desde as 6h, trabalhando em casa, onde não sofre interrupções e suas tarefas mais importantes podem ser executadas antes de ir para o escritório resolver os pepinos que aparecerão durante o dia.

É muito fácil ver o resultado e não pensar no quanto custou chegar a ele. É fácil chamar de sorte quando alguém passa naquele concurso onde têm mais de 5000 candidatos por vaga. Difícil é ver os dias e noites de estudo durante mais de um ano, abdicando muitas vezes da vida familiar, dos amigos e das festas, para conseguir conquistar esse objetivo. É fácil dizer que essa pessoa nasceu mais inteligente e menosprezar o esforço que teve que ser feito para obter o resultado desejado.

Você tem vergonha de falar sobre dinheiro?

E então chegamos na vergonha de ganhar dinheiro. Além desta atitude de deboche perante as conquistas de quem realmente se esforça para atingir suas metas, há a verganha de dizer que se ganha dinheiro. Como se fosse algo sujo, algo ilícito. Ou pior ainda, achando que se souberem que você está ganhando dinheiro todos irão começar a pedir emprestado ou pedindo ajuda para resolver um problema qualquer.

Vejo isso com freqüência nos blogs. Não é o caso aqui no Moeda Corrente e mesmo que fosse eu simplesmente não perderia meu tempo com os perdedores que pensam assim. Este site é meu e se alguma hora eu resolver encher ele de propaganda, bom pra mim, que vou ganhar dinheiro com isso. Mas na maioria dos blogs, muitos com excelente conteúdo e que exigem grande esforço e dedicação de quem os escreve, vemos as constantes reclamações dos leitores quando o dono do site resolve colocar alguma publicidade. Normalmente isso não rende nem o suficiente para pagar os custos de hospedagem do site, o que dirá para sustentar a pobre alma. Mas para estas pessoas parece pecado que quem escreve todos os dias os artigos que eles lêem queira ganhar dinheiro. Quem ele pensa que é, esse mercenário! Ganhar dinheiro as nossas custas!

Sentiu o paradoxo? As mesmas pessoas que não trabalhariam sem receber um salário, reclamam quando alguém quer ganhar dinheiro com o suor de seus neurônios. Como se escrever artigos interessantes não fosse algo digno de valor. E pior, tudo isso sem tirar um mísero tostão do bolso dos reclamantes.

Essas pessoas reclamam por INVEJA. Pura e simples inveja de que alguém possa ganhar dinheiro aparentemente sem trabalhar. Não se dão conta do trabalho que dá manter um site popular nem se dão conta de que mesmo recebendo alguma coisa, isso é muito menos do que vale os conhecimentos do dono do site. Que estes são mantidos por amor ao tema e para ajudar aos leitores, muito mais do que para ganhar algum dinheiro. Dizem que o trabalho não é difícil, que qualquer um pode fazer isso, viver onde quiser e ganhar dinheiro enquanto viaja pelo mundo, só escrevendo de vez em quando no seu notebook.

Mas vai ver se alguma delas tem a coragem de tentar fazer o mesmo? Muitos até tentam, criam seus blogs e em uma semana deixam os mesmos abandonados no cemitério dos blogs descontinuados. Ao mesmo tempo, claro, que continuam chupando e aproveitando o conteúdo que os verdadeiros escritores continuam produzindo, sem custo para eles. E naturalmente, reclamando quando um deles resolve pesquisar alternativas para ganhar dinheiro.

Olha a resposta excepcional do pessoal da revista Papo de Homem sobre este assunto.

Porque tudo isso agora?

Por nada, só para ver se algum leitor deste site se dá conta de que está agindo dessa forma prejudicial a sí próprio e mude de atitude para seu bem. Não pretendo colocar propagandas aqui no Moeda Corrente, fiz exatamente o oposto disso há menos de um mês. Quem frequenta o site há mais tempo lembra que antes eu tinha propagandas do Google AdSense espalhadas pelo site, na barra lateral e no meio dos artigos. Tirei tudo.

Deixei de ganhar um bom dinheiro que essa publicidade me rendia, mas acredito que hoje tenho um site mais limpo e mais agradável para quem visita. Por mais incrível que isso possa parecer, dinheiro não é o mais importante para mim. Ganho bastante com minhas empresas, o objetivo deste site é outro, é educar as pessoas, tornar o mundo um lugar melhor para se viver. E acredito que um mundo onde as pessoas sejam mais responsáveis com suas próprias vidas e em relação ao que ganham e gastam, é um mundo melhor.

Aqui, quero mostrar que uma outra realidade financeira é possível. Que sou uma pessoa comum, como outra qualquer. E que se eu consigo viver uma vida excepcional, qualquer outra pessoa também tem condições de conseguir. Basta querer. E pagar o preço em estudo, tempo e dedicação que isso exige.

E agora, o que será do seu mundo?

Pense nisso. Quando encontrar alguém de sucesso, veja o que essa pessoa tem de especial. Pergunte o que ela faz e como conseguiu conquistar o sucesso que possui. Pergunte sobre as dificuldades que encontrou e sobre as coisas que teve que abrir mão para chegar onde chegou. Você vai se surpreender com duas coisas. A primeira, é que essas pessoas normalmente gostam de falar sobre seu trabalho. E a segunda, é que são pessoas comuns como todas as outras, apenas mais esforçadas.

Você verá que mesmo com todo o sucesso que elas têm, o que mais gostam de fazer é ajudar os que ainda não chegaram lá. Eu tento fazer isso através deste site, outros não conhecem essa forma “tecnológica” de ensinar, mas mesmo assim, estão sempre prontos a trocar uma palavra com quem lhes pede um bom conselho.

Peça e receberá.

11 pensamentos em “Eu não tenho vergonha de ganhar dinheiro. E você, tem?”

  1. Ola amigos , como ja foi dito , todos querem ganhar mais,ter mais dinheiro na conta etc.
    eu por ex. sempre gostei de vendas e atualmente nao estou vendendo nada estou literalmente desempregado e sem dinheiro ,e claro.
    gostaria de saber o que vcs me sugerem para iniciar novamente , sou entusiasta e acredito que a minha vez vai chegar . voces tem alguma coisa para eu vender e ganhar uma participaçao, nas vendas . estou na cidade de camaçari a poucos km de salvador -BA.

  2. Bom gente, leitores do moeda corrente, eu sou do tipo que pensa que dinheiro é preciso pelas diversar necessidades que vc como ser humano têm e que existem perspectivas que só o dinheiro pode oferecer e tal… Mas para ter dinheiro é preciso algo que possa gerar, do contrario não terá, eu procuro uma idéia que possa me dar isso, acordo todos os dias com minha realidade e é ela que me faz querer pensar em algo que pode transforma-la, sei que existe, só não achei a idéia certa.

    1. O importante é não ficar esperando as coisas cairem do céu. É partir para a ação e não desistir enquanto não alcançar o sucesso.

      Como diz um amigo meu, o emprego do desempregado é arranjar emprego. Só vai ter sucesso aquele que acorda todos os dias de manhã cedo e se dedica o dia todo a sua tarefa de encontrar um emprego, seja escrevendo seu currículo, imprimindo, levando de porta em porta… O emprego do desempregado é arranjar emprego. Ficar em casa não resolve o problema.

      Encontre o que você sabe fazer e faça. Simples assim.

      Rogério: a sugestão dos outros não vale nada se não te conhecem. Só tu sabe o que tens condição de vender ou não.

      Wagner: não há idéia certa, o que há é o que tu sabe fazer, repetido diariamente até gerar resultados.

      Formas de ganhar dinheiro existem aos montes, escolham uma e se dediquem a ela sem esmorecer. Os resultados podem demorar até aparecer, mas com certeza virão. Ficar buscando novas formas para ganhar dinheiro e trocando de idéia toda hora é a maneira mais certa de não conseguir resultado algum. Só a constância constrói resultados.

  3. Esse texto é muito bom, faz alguns meses que salvei no favoritos e sempre entro pra ler mais uma vez. Só comentei agora, mas já acho fantástico faz um tempo.

  4. Progundo Gostei Bastante do seu trabalho Continue asim..
    agora aquele cemitério dos blogs descontinuados rachei de rir,
    sucesso e muito dinheiro pra gente hehehe…..

  5. tem uma semana que conheci seu site e gostei muito tenho me enteressado muito em envestir em imoveis mas não sabia por onde começar e achei muito interessante o consorcio gosto da ideia de construir vou me mudar ara campinas vc acha que para construir é melhor construtora porq contratar pedreiros com conta propria acho que acaba dando mais trabalho vc sabe quanto hoje uma contrutora esta cobrando para fazer casas e se pode me indicar alguma parabens pelo seu trabalho

  6. Gostei muito da matéria sobre dinheiro, confesso que intrinssicamente, la no amego da intenções eu tinha esse pensamento pré estabelecido sobre dinheiro, que quem tinha estava de uma forma ou outra errado. .Mas na verdade eu sempre tive e tenho o desejo de ser rico e bem sucedido.

    Obrigado pois essa materia me fez mudar meus conceitos e sentimentos a respeito da riqueza e dos ricos.

  7. Gostei muito do texto, e tenho praticado estes ideais, com um mês de advocacia ja ganho o meu sustento com muito esforço, sem me vangloriar para amigos e colegas.
    Esta é uma dica para os desanimados e pessimistas.

Os comentários estão desativados.